segunda-feira, agosto 8

Contagem regressiva


Faltam poucos dias para o meu aniversário de 30 anos e menos ainda para outro recomeço de vida.

Foram mais de seis meses na Califórnia e mais de um mês em Salvador. Talvez mais tempo do que deveria ter sido. Mas saber exatamente o que deveria ter sido está muito além das minhas habilidades de simples mortal cheia de defeitos e inseguranças.

Mas agora, assim como fiz no início de 2008, volto para a "cidade grande", a imensa cidade, sem nada. Nada da matemática básica: trabalho + dinheiro + casa = segurança.


Volto com mais amigos, carinhos e acolhimento. Volto com mais experiência no que me aguarda, esperando que isso ajude a diminuir meus medos e desespero tão característicos às mudanças. 

Sei que sofrerei com a espera por respostas aos currículos enviados. E quando essa agonia passar e o emprego aparecer, sofrerei mais ainda com a busca por apartamento - isso é algo que me consome e acho que nunca será diferente (talvez só quando finalmente for rica e puder pagar por qualquer imóvel que eu gostar).

Nesse meio tempo voltarei a caminhar muito pelas ruas do centro. Comerei pizza boa em qualquer lugar, irei mais vezes ao cinema nos dias de ingresso barato, tomarei cerveja com os amigos - porque na pobreza eu tomo cerveja para socializar e me acalmar -, falarei bastante, darei gargalhadas e chorarei vez ou outra. 

Voltarei a gostar da cidade. Falo mal, digo que não gosto, mas sinto falta. Não sei se dela ou da minha vida nela, mas sinto falta. 

Hoje tento me preparar para tudo, sabendo que de pouco adianta ter tantas previsões na cabeça: é só no dia a dia, no dormir, acordar e me reconhecer naquele novo contexto que saberei, aos poucos, qual é o meu lugar no mundo.

Sim, os 30 estão chegando. E eu também.

2 comentários:

Juana disse...

só quero ver esse retorno, menina :)

RAMON(ES) disse...

relaxe que vai dar tudo certo. beijos e boa sorte !